Negócios Online 10  Erros Que Você  Deve Evitar

Thumb Negócios Online 10  Erros Que Você  Deve Evitar

Negócios Online 10  Erros Que Você  Deve Evitar

Negócios Online. Olá! Hoje, eu vou falar os 10 principais erros que você deve evitar antes de criar um negócio online.

Hoje, estamos falando de Singapura, fizemos stopover aqui pra passar alguns diazinhos e, nesse visual,

nesse restaurante aqui que se chama Level 33, olha a vista aqui pro Marina Bay, pro Gardens by the Bay, pra toda a baía aqui, animal…

E esse tópico é muito importante, principalmente, pra quem ‘tá’ buscando criar o seu próprio projeto, geralmente, vai pro mundo online,

porque têm muitas facilidades em relação à liberdade geográfica, a poder tocar remotamente seu projeto,

então, com certeza, você vai ver muito valor aí nesses 10 erros pra se evitar.

Eu me inspirei de um guia, gerado pela Fizzle, que é uma empresa americana que fala muito dessa questão de negócios online, sobre empreendedorismo,

sobre marketing digital, se você não conhece, vale a pena acompanhá-los.

Primeiro erro:

Não espere tanto tempo para lançar um produto ou lançar um serviço.

Esse é um risco que muita gente que começa a criar um blog, começa a criar conteúdo, acaba que fica esperando pela métrica de ouro,

os mil subscribers, os dez mil, os cem mil, o que for…

Antes de se expor com o produto, para ver se realmente alguém vai comprar aquilo.

Então, o quanto antes for conseguir já testar as suas ideias com o produto, nem que seja algo muito baratinho,

nem que seja um e-book inicial que possa custar poucos reais,

mas o quanto antes que você possa colocar algo no mercado para realmente validar as suas hipóteses, as suas expectativas, pra gerar renda, faça.

Segundo erro:

Tentar resolver um problema que não existe.

Uma galera acha que teve uma ideia genial…

Mas, quando você vai pro mercado, realmente, ninguém tem essa dor.

Às vezes, pode estar muito no início de uma dor, às vezes, simplesmente é uma coisa na sua cabeça, mas,

o quanto antes começar a testar realmente o que você ‘tá’ querendo vender tem um problema real por detrás, melhor.

Negócios Online

Terceiro erro:

Não escutar os seus consumidores.

É muito importante você ter o máximo de contato com eles, escutá-los, fazer entrevistas,

reclamação, tudo que você puder gerar de insight sobre a experiência deles e o contato deles com a sua marca, com o seu conteúdo, com os seus produtos, melhor.

Então, realmente, passe muito tempo, principalmente, o início do seu negócio, escutando e trocando e ideia com essa galera.

Quarto erro:

Não se diferenciar.

É muito importante não apenas seguir a onda do momento, ver quais são as oportunidades de ouro,

ir lá, replicar tudo o que todo mundo ‘tá’ fazendo, isso não vai te levar a lugar nenhum,

porque muitas dessas pessoas iniciaram antes, já tem uma experiência maior, então, se você fizer exatamente a mesma coisa, você não vai chegar a lugar algum.

Você precisa ter uma proposta única de valor muito diferenciada, porque se não,

vai ser muito difícil sair do barulho da multidão, todo mundo ali falando a mesma coisa.

As pessoas têm que conseguir responder rapidamente o porquê delas te consumirem.

Se você não conseguir definir de forma diferenciada o porquê de você existir, vale a pena rever tudo o que você ‘tá’ fazendo.

Quinto erro:

Escolher um tópico que você não ‘tá’ nem aí, que você não curte, não está ligado a sua paixão.

Mesma coisa se você escolher um ramo, um business que você não conecta, muito provavelmente,

você vai desistir disso aí, não vai conseguir criar nada de valor.

Como empreendedor,  você vai passar por muito perrengue e, se nessas horas você não tiver trabalhando com algo que você gosta, que você ama,

que você realmente enxerga um propósito, com certeza, você vai abandonar na primeira dificuldade.

Sexto erro:

Começar com expectativas completamente fora da realidade.

Aquela expectativa de que “ah, eu tenho meu próprio negócio, eu sou o meu chef,

então, tenho muito mais tempo pra mim, tenho mais flexibilidade, vou trabalhar menos,

vou conseguir ir à praia durante a semana, vou estar de feias o tempo todo”.

Cara, esquece isso tudo!

Você tendo o seu negócio, provavelmente, vai trabalhar muito mais do que no emprego coorporativo que você tinha, o nível de responsabilidade vai muito maior, talvez a pressão que você se bote também, porque você não depende de outro,

depende unicamente do sucesso do que você produzir.

Tem um livro top que eu li lá no começo da minha jornada de empreendedorismo que, se não engano,

é algo como livro negro do empreendedorismo, vou dar uma olhada aqui depois e botar,

mas ele é estruturado com vários rings, cada ring é um mito desse, que ele vai te dando porrada,

te dando porrada, e se você chegar até o final do livro vivo, aguentando todas essas porradas, quer dizer que você ‘tá’ pronto para começar a empreender.

E uma dica simples é começar a falar com vários empreendedores, converse com a galera que já ‘tá’ aí há mais de cinco anos, dez anos,

vinte anos, eles vão te explicar tudo sem esse mar cor de rosa aí. que muita gente acaba falando sobre os benefícios do empreendedorismo.

Tem muita coisa boa, obviamente, se não não tinha um porquê pra gente ‘tá’ falando aqui, mas você não pode se iludir.

Negócios Online

Sétimo erro:

Muita reflexa e pouca ação.

Não adianta, empreendedorismo é suor.

Aquela famosa frase de 1% de inspiração, a ideia, e 99% de suor, porque é execução. Empreendedorismo é executar,

é você pegar todas essas ideias e começar a testar, experimentar, validar e voltar, melhorar,

porque não adianta você achar que tendo boas ideias, está tudo resolvido.

Ideias você tem com dois chopps aqui, você vai ter cem ideias boas, mas a parada é a execução,

é lá que diferencia a galera que vai criar realmente valor no mercado.

Erro oito:

Tentar seguir essa jornada sozinho.

A criação de negócio exige pessoas, exige colaboração, exige aprendizado em conjunto,

então, quanto mais rápido você conseguir montar uma equipe, escolher os bons sócios complementares às suas características,

escolher mentores que podem te ajudar ao longo da jornada, amigos e familiares que vão te apoiar aí nos começos difíceis, enfim…

Pessoas são muito importantes pra você conseguir seguir de forma resiliente e alcançar a complementariedade de perfis,

porque você, não adianta, por melhor que seja, não consegue fazer tudo e não vai fazer tudo bem.

Nono erro:

Confundir um blog com business. Um blog, fotolog, um Instagram isso tudo é muito legal pra criar audiência,

mas a audiência que vai te gerar o business, você precisa criar produtos, serviços, então,

não adiante ficar só olhando sua métricas de vaidade, “tenho tantos seguidores, tantos inscritos”,

isso é maravilhoso se você tiver ideias concretas pra criar produtos pra vender pra essa galera, se não, simplesmente, aquilo não vai te sustentar na vida.

Erro número dez:

Não começar.

Esse é o pior de todos, porque muitas pessoas acabam vivendo no mundo das ideias, esperando o momento perfeito,

e ele nunca vai chegar, você precisa iniciar pequenos passos, um de cada vez, você precisa se botar em movimento

e entender que os erros fazem parte do crescimento, fazem parte da jornada, então, se acostume com os erros,

não tenha medo do fracasso, não tenha medo de se expor, porque, assim, você vai conseguir seguir numa boa direção pra empreender cada vez

mais para encontrar sucesso e não é fácil, vai demandar muita coragem da sua parte,

mas pra encontra coisas grandes na vida, coisas extraordinárias, não é na zona de conforto que você vai conseguir,

então, se desafie e tenha clareza de onde você quer chegar e bota a cara.

Gostou então compartilhe nas Redes Sociais

Tecnologia Global Oficial

Envie seu comentário:

Você também pode gostar: